TEMPERATURA

CABOS DE EXTENSÃO E COMPENSAÇÃO

Descrição

Na maioria das aplicações industriais de medição de temperatura, através de termopares, o elemento sensor não se encontra junto ao instrumento receptor. Nestas condições, torna-se necessário que o instrumento seja ligado ao termopar através de fios que possuam uma curva de força eletromotriz em função da temperatura similar àquela do termopar, a fim do instrumento poder efetuar a correção da junta de referência.

A isolação usada nos fios e cabos de extensão e compensação, deve ser escolhida de tal maneira a resistir às condições do ambiente onde irá trabalhar, levando em consideração todas as variáveis tais como temperatura, esforço mecânico, umidade, abrasão, presença de óleo e outros...

Os cabos e fios de extensão são fabricados com as mesmas ligas dos termopares, podendo assim serem utilizados como termopares, mas com algums restrições. Revestimentos em PVC, silicone, FF (fibra/fibra), FFM (fibra/fibra/Malha), teflon e outros.

Isolação

Características
da Isolação

Temp. Max
de Utilização
da Isolação

Observação

 

Interna

Externa

Resistência
à abrasão

Resistência à
absorção umidade

Graus Celsius

 

PVC

PVC

Muito Boa

Excelente

105

Uso Geral - resistente à maioria dos óleos e produtos Químicos

Silicone

Fibra de Vidro

Boa até 200°C

Muito Boa

250

Uso Geral - acima de 200°C a resistência a abrasão desaparece

Fibra de Vidro

Fibra de Vidro

Boa até 200°C

Boa até 200°C

350

Acima de 200°C a resistência a abrasão e umidade desaparecem

PTFE

PTFE

Excelente

Excelente

280

Uso Geral - excelente resistência à abrasão e umidade

Silicone

Silicone

Boa até 200°C

Muito Boa

250

Uso Geral - acima de 200°C a resistência a abrasão desaparece

 

 

Rua Paulo Marques, 153D, Centro | Chapecó | SC | Fone: 49 3330-9100 | Email: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.